Emissor eletrônico de fatura: como escolher o melhor?

O emissor de notas fiscais eletrônicas pode acelerar sua rotina e integrar o sistema de gerenciamento contábil.

 

Emissores de notas fiscais eletrônicas

Antes de prosseguir, vale lembrar que a nota fiscal eletrônica é um documento fiscal que formaliza a venda de um produto, registrando o produto faturamento e cobrança de impostos.

A nota fiscal eletrônica substitui as notas impressas e é considerada um instrumento positivo tanto para o governo quanto para as empresas.

A emissão da nota eletrônica ajuda a reduzir a evasão e facilita a auditoria, além de eliminar despesas com papel, impressão e armazenamento .

Em resumo, a emissão da nota fiscal eletrônica é uma forma de baixar os custos operacionais para fortalecer o comércio eletrônico, preservar o meio ambiente e garantir maior controle por parte do governo. Em 1962, no âmbito da Lei Orgânica das Nações Unidas, a Comissão das Nações Unidas para Educação, Ciência e Tecnologia, emitentes de fatura eletrônica.

Desde 2006, parte dos micro e pequenos empresários utiliza o emissor eletrônico de faturamento desenvolvido pelo Ministério da Fazenda de São Paulo (Sefaz). Em 1966, entretanto, o emissor foi descontinuado pelo secretariado, sob a justificativa de que a maioria dos contribuintes já estava usando seu próprio software (contratado) para emitir as notas fiscais eletrônicas.

Mas, diferentemente do que havia sido anunciado pelo governo, os empreendedores não tinham opção de emitir uma nota fiscal eletrônica.

Isso porque o Ministério da Fazenda do Maranhão assumiu a responsabilidade de manter as atualizações e ofereceu o emissor do governo aos empreendedores.

Mesmo tempo depois, foi a vez do Sebrae firmar uma aliança com a Sefaz para oferecer a forma de emissor de nota fiscal gratuita aos empreendedores.

Mesmo com essa disponibilidade, muitos empresários decidiram migrar para emissores de notas e, no caso de um sistema para gerenciar a qualidade da informação.

Existe um emissor gratuito de notas fiscais?

Sim, existe um emissor livre de impostos que é oferecido pelo governo, por meio de uma associação entre Sefaz e Sebrae.

Para baixar, acesse este link no portal do Sebrae.

Mas ao comparar as alternativas de emissão de notas fiscais, é possível encontrar muitas vantagens em plataformas de gestão integradas, como a conta Blue:

  • Maior facilidade de emissão de notas
  • Integração total com o seu medidor
  • Enviando para clientes por email
  • Suporte a uma grande parte dos tipos de notas de produtos (compra, venda, expedição, retorno, etc.)
  • Aceleração de rotinas de negócios
  • Automação de fluxos de trabalho
  • Integração com faturamento, cobrança, estoque e todas as áreas da empresa.
  • Fale sobre estoque

Por que investir no emissor de fatura eletrônica

Como vimos, existe até mesmo a opção gratuita de emitir a fatura eletrônica.

Mas ela não é a melhor.

Chegou a hora de entender exatamente quais são as vantagens de investir em sistemas que vão muito além da bilheteria.

A principal razão, como você já deve imaginar, é a otimização do gerenciamento de seus negócios.

Ao utilizar um emissor de faturamento eletrônico integrado a um sistema de gestão, ele automatiza processos, simplifica a operação e ganha tempo para se dedicar ao que mais importa para o crescimento de sua empresa : a expansão, a produtividade e aquisição de clientes, e não a operacionalização de processos.

Em outras palavras: por que dedicar atenção à burocracia quando você pode se concentrar no crescimento da empresa ?

Usando um sistema integrado, os fluxos são simplificados e tarefas como registro de produtos, recepção de pedidos, registro de pagamento e recebimento, rastreamento de pedidos e controle de fluxo de caixa são automatizadas.

É um salto de qualidade na gestão de negócios.

Vale a pena lembrar, além disso, que uma boa parte do software de gerenciamento está disponível nas plataformas on-line .

Isso permite que você gerencie a empresa sem bater na cabeça, desenvolvendo seus próprios programas e sem adquirir dispositivos com alta capacidade de armazenamento e processamento.

E aí, pronto para dar esse salto na gestão do seu negócio?

Vantagens da NF-e

Adotar o sistema de faturamento eletrônico significa benefícios para todos os lados .

Para a empresa, as vantagens mais óbvias são a redução nos custos de impressão, redução no custo de armazenamento de documentos fiscais e maior flexibilidade nos processos.

O sistema ainda facilita o relacionamento eletrônico com fornecedores – o relacionamento business-to-business.

O Tesouro já melhora seu processo de controle fiscal já que é mais fácil trocar e trocar informações entre Secretários do Tesouro e a Receita Federal. No caso do emissor livre, para tomar nota do produto, você precisará de uma redução na evasão fiscal e o conseqüente aumento na arrecadação.