Descomplicando e automatizando as finanças das pequenas empresas: a contabilidade nasce para isso

Em seis anos, a empresa já conta com mais de dez mil clientes. E continua a crescer.

Se eu tivesse um problema que ninguém poderia resolver, o que eu faria? Vitor Torres decidiu desenvolver a solução. Conheça sua história e descubra como a Responsabilidade tornou-se uma realidade.

"Meu negócio nasceu como uma solução para um problema que sempre tive como empreendedor.

A primeira vez que tive que lidar com contabilidade foi quando abri uma empresa de educação corporativa em 2009. Em dois anos, passei por quatro contadores diferentes porque sempre estava insatisfeito: o serviço era caro, as dificuldades eram inúmeras e os resultados nunca eram bons. Sempre achei que deveria haver uma solução para lidar melhor com papel e linguagem difícil ao administrar um negócio.

Percebi que o maior problema estava nos escritórios de contabilidade, que trabalhavam com empresas de tamanhos e segmentos muito diferentes, algo que impossibilitava a sistematização e automatização de seus serviços. Foi a partir deste problema que encontrei a solução: criar algo novo. Em 2013, fundei o Accounting, pensando em ajudar pequenas empresas como a minha, que na época tinha cinco funcionários. Por três anos, desenvolvi uma tecnologia de automação contábil online feita exclusivamente para micro e pequenos empreendedores. Eu fui nesse nicho porque era o mundo que eu conhecia como empreendedor. E, por essa razão, o meu ponto de partida foi sempre a minha própria experiência: que dificuldades enfrentei como proprietária de uma pequena empresa? E como eu gostaria que eles fossem resolvidos?

Acreditando nesse problema, levando-o a sério e procurando uma resposta para ele, percebi que não estava sozinho. Comecei a dedicar-me exclusivamente à Contabilizei e, em quase seis anos, o crescimento que era incerto na época tornou-se uma realidade: hoje, mais de 10 mil empresas utilizam nossas ferramentas para administrar suas finanças.

Encontramos no Facebook e no Instagram a possibilidade de conversar com um público mais jovem, que está presente nessas plataformas, que quer abrir seu próprio negócio, mas que também via a contabilidade como um obstáculo ou uma dificuldade quando se trata de empreendedorismo. Observamos que os dois espaços para atingir públicos específicos: o primeiro nos ajuda a encontrar clientes curiosos e potenciais; Já o segundo é um espaço de comunicação mais íntima com quem já nos conhece e quer uma conversa mais personalizada. Essa versatilidade nos ajuda a entender melhor o nosso público e explorar de forma inteligente nossos canais de comunicação com ele. O dinheiro é uma questão delicada, por isso, atuar nessas plataformas nos dá a oportunidade de manter um diálogo transparente e humanizado, despertando mais confiança em quem usa nossos serviços e provando que a contabilidade não precisa ser uma dor de cabeça.

Vitor Torres tem 36 anos e é CEO da Contabilizei, uma empresa de contabilidade on-line sediada em Curitiba (PR). Você pode aprender mais sobre a página Contabilizei no Facebook ou no perfil da empresa no Instagram.

O Facebook for Companies quer orientar e capacitar micro, pequenos e médios empreendedores no Brasil. Você pode aprender mais visitando facebook.com/business ou a página do Facebook para empresas.